Tocantins

Área 277.620km²
(25% do território nacional)
Habitantes 1.305.728
(5% da população nacional)
Capital Palmas

Tocantins

Palmas

A capital de Tocantins é uma cidade tão jovem quanto o próprio estado – foi inaugurada em julho de 1989. Inteiramente planejada, seu projeto foi inspirado em Brasília, a capital do país, inaugurada três décadas antes.

Palmas é uma cidade “espaçosa”, com prédios baixos, avenidas largas e muitas áreas de lazer. Sua localização também foi cuidadosamente escolhida, exatamente no meio do Brasil – o ponto que representa o centro geodésico do país está marcado por um monumento instalado na Praça dos Girassóis.

Ao receber migrantes de todas as partes do país interessados na rara oportunidade de desbravar a capital de um estado recém-criado, Palmas tem crescido em ritmo vertiginoso – cerca de 30% ao ano – e já conta com 180 mil habitantes. A estrutura hoteleira e gastronômica vem se desenvolvendo em ritmo semelhante, embora ainda esteja aquém da diversidade encontrada nos grandes centros do país.

Palmas

Principais Atrativos

Praça dos Girassóis

A sede dos três poderes está situada numa grande área de 10,8 mil m2, o que a faz ser considerada a segunda maior praça do gênero no mundo (atrás apenas da Praça da Paz Celestial, em Pequim). O destaque arquitetônico é o Palácio do Araguaia, do executivo estadual. Há também o centro geodésico nacional e monumentos inspirados em fatos históricos, como o que faz referência à passagem da Coluna Prestes pela região, assinado por Oscar Niemeyer, e o que lembra o Movimento Dezoito do Forte, ocorrido no Rio de Janeiro em 1922. Entre os marcos dos primeiros tempos da cidade estão o Cruzeiro, escultura feita para celebrar o lançamento da pedra fundamental, em 1989, e o Palacinho da Cultura, conhecido como “Catetinho de Palmas”, primeira residência do governador, construída em dois andares com madeira Jatobá e transformada em museu a partir de 2002, com acervo composto por fotografias e objetos que contam a história da cidade e do estado.

Praia da Graciosa

Tirando proveito da temperatura sempre quente, acima dos 25 graus – podendo facilmente alcançar os 40 graus –, os moradores de Palmas se divertem nessa praia, à margem direita do Lago de Palmas. O local oferece boa estrutura, com restaurantes, bares, quadras esportivas, pista de cooper, banheiros, estacionamento, posto policial e posto de saúde.

Lago de Palmas

Formado pela construção da Usina Luís Eduardo Magalhães, tem área total de 626 km2 – e 54 km de margens só na capital. É muito utilizado para a prática de esportes náuticos.

Feira do Bosque

Realizada todos os domingos, entre 16h e 21h, congrega quase 200 artesãos da região. Os produtos expostos utilizam grande variedade de material, como madeira, palha, cerâmica, tecido, ferro e pedra. Há também barracas com comidas típicas.

Distrito de Taquaruçu

Com clima ameno, é conhecido como a “região serrana de Palmas”. Localizado a 30 km do centro da capital, tem mais de 80 cachoeiras que descem das encostas das serras. O acesso é pavimentado e há boa estrutura de hospedagem e alimentação, já que o distrito é bastante procurado por visitantes, especialmente nos fins de semana.

Voltar

Palmas

Acessos

Por via rodoviária

De São Paulo: SP-310, BR-153 até Goiânia.
De Goiânia: BR-153, TO-080.
Do Rio de Janeiro: BR-040 até Brasília.
De Brasília: BR-060, BR-153, TO-080.

Por via aérea

Vôos regulares partem das principais capitais brasileiras.

Distâncias de Palmas

Goiânia: 898 km
Brasília: 850 km
Rio de Janeiro: 2.124 km
São Paulo: 1.776 km

Voltar