Paraná

Área 199.314km²
(2,3% do território nacional)
Habitantes 10.261.856
(5,7% da população nacional)
Capital Curitiba

Paraná

Paranaguá

Com 147 mil habitantes, Paranaguá é a principal cidade do litoral paranaense. É considerada berço da formação do estado: aqui aportaram os primeiros bandeirantes, faiscadores de ouro e as levas de imigrantes europeus que – em tempos mais recentes – subiram a serra em direção ao planalto paranaense.

A cidade guarda poucas marcas da passagem dos europeus modernos. No entanto, a história dos primeiros colonizadores ficou registrada em dezenas de construções da época: igrejas, conventos e colégios jesuíticos, casarões coloniais e ruas calçadas de pedra.

Debruçada sobre a Baía de Paranaguá, uma das mais bonitas e abrigadas do litoral brasileiro, a cidade é ponto de partida para a descoberta dos muitos encantos da região.

O acesso à Ilha do Mel é feito de barco, a partir de Paranaguá ou do Pontal do Paraná, cidade vizinha. Suas praias e recantos rodeados de mata nativa atraem turistas interessados na tranqüilidade da vida à beira-mar e nas possibilidades de esportes náuticos. Entre os pontos de visitação, destaque para a Fortaleza de Nossa Senhora dos Prazeres e para o Farol das Conchas. A estrutura turística conta com pousadas e restaurantes.

Ao Norte, no interior da baía, ficam a pequena Guaraqueçaba e Superagüi – ilha e lagamar –, paraísos ecológicos de preservação permanente. Ao Sul, encontram- se as praias mais badaladas do litoral, como Caiobá, no município de Matinhos, e Guaratuba, com uma baía que reúne praias, ilhas, manguezais e rios. No extremo Oeste da baía, duas cidades históricas com antigos casarões coloniais: Antonina e Morretes.

Paranaguá conta com boa rede de hotéis e pousadas. O prato típico do litoral paranaense – que pode ser apreciado nos restaurantes da região – é o barreado; seu principal ingrediente é a carne cozida por longo período em panelas de barro hermeticamente tampadas.

Paranaguá e região

Principais Atrativos

Centro Histórico

Os prédios históricos do Centro são heranças da colonização portuguesa: as igrejas de Nossa Senhora do Rosário, erguida em 1578; a de São Benedito, de 1784; e o Museu de Arqueologia e Etnologia de Paranaguá, fundado em 1755. Parte dos sobrados coloniais fica na rua da Praia, que margeia o rio Itiberê.

Ilha do Mel

A ilha faz parte do município e está localizada na região central da costa paranaense, cujo acesso se dá por barco a partir de Paranaguá ou do Pontal do Paraná. Sua área é de 2.760 hectares, dos quais 95% são formados por restinga e Mata Atlântica. Com mais de 20 praias, algumas desertas, os passeios incluem visita a duas construções históricas: a Fortaleza de Nossa Senhora dos Prazeres, do Século XVIII, e o Farol das Conchas, de 1872. As vilas de Encantada e Nova Brasília concentram pousadas, restaurantes e pequenas lojas. Já a região da Fortaleza é alternativa para quem procura tranqüilidade.


Voltar

Paranaguá e região

Atividades

Passeios de Barco

Os barcos que fazem o passeio pela baía de Paranaguá saem da rua da Praia, perto da estação náutica. Durante o trajeto, é possível visualizar o porto Dom Pedro II, visitar as comunidades pesqueiras e ilhas como a da Cotinga, dos Valadares e a Ilha do Mel.

Voltar

Paranaguá e região

Arredores

MORRETES

Destacado destino de ecoturismo, a cidade de 16 mil habitantes tem rios, montanhas, cachoeiras e piscinas naturais. No Parque Estadual do Marumbi e na Serra do Mar existem opções de passeios ciclísticos pela área rural e trilhas para trekking – destaque para a que leva ao Salto do Macaco (70 m). Para quem gosta de montanhismo uma opção é o Pico do Marumbi, com mais de 1.500 m de altura. Fundado em 1733, o município conta com casario histórico preservado e igrejas seculares como a de Nossa Senhora do Porto e a Igreja de São Benedito, de 1765. A cidade oferece hotéis, campings, boas pousadas, algumas em áreas verdes e com programas de ecoturismo e turismo de aventura – trilhas, banhos de cachoeiras, montanhismo.

ANTONINA

O município está situado na Baía de Antonina, tem 20 mil habitantes e sua história econômica está ligada aos ciclos do ouro e da ervamate. Fundada por portugueses em 1714, a cidade guarda construções do Brasil Colônia e Império. Possui trilhas, cachoeiras e lugares para escaladas. As opções de hospedagem incluem hotéis, pousadas e campings.

MATINHOS / CAIOBÁ

Matinhos é um recanto do litoral paranaense que durante décadas permaneceu praticamente intocado. Os 17 km de belas praias, rios, montanhas, ilhas e um dos balneários mais badalados do estado – a praia de Caiobá – atraem cada vez mais visitantes ao município. Próximo da capital – 110 km de Curitiba –, Matinhos tem clima ameno, com temperatura média de 24C. A cidade de 33 mil habitantes conta com boa infra-estrutura hoteleira e gastronômica.

GUARATUBA

Guaratuba tem apenas 34 mil habitantes, mas na alta temporada chega a receber 800 mil visitantes. Entre as várias razões desta procura estão as belíssimas praias e o cenário encantador da Baía de Guaratuba e ilhas. A pesca artesanal, a agricultura – cana-de-açúcar, milho, mandioca, frutas... – e o turismo formam a base da economia. Guaratuba tem outros atrativos turísticos além das praias – destaque para o casario colonial e a Igreja de Nossa Senhora do Bom Sucesso.


Voltar

Paranaguá e região

Acessos

Por via rodoviária

De Curitiba: BR-277.
Para Morretes e Antonina: BR-277, PR-408.

Por via ferroviária

Estrada de Ferro Paranaguá-Curitiba.

Distâncias de Paranaguá

Curitiba: 91 km
Morretes: 44 km
Antonina: 53 km
Matinhos: 45 km
Guaratuba: 45 km, mais a balsa


Voltar