Distrito Federal

Área 5.801km²
(0,06% do território nacional)
Habitantes 2.333.108
(1,3% da população nacional)
Capital Brasília

Centro-Oeste

Brasília

Cidade inteiramente planejada, Brasília foi construída em apenas três anos e meio – um feito extraordinário –, graças à visão e ao espírito empreendedor do presidente Juscelino Kubitschek, e a sua obstinação em concluíla dentro de seu mandato. Ao inaugurála, no histórico dia 21 de abril de 1960, Kubitschek materializou um sonho antigo: instalar a capital brasileira na região central do território.A idéia já tinha um século e meio – era uma das reivindicações da Inconfidência Mineira (1789), no Século XVIII, e estava prevista na Constituição de 1891, no Século XIX.

O maior atrativo de Brasília é o design arrojado dos prédios assinados pelo arquiteto Oscar Niemeyer, com destaque para os palácios do Planalto e da Alvorada, a Esplanada dos Ministérios, o Congresso Nacional, o Palácio do Itamaraty, a Catedral Metropolitana e a Praça dos Três Poderes. A cidade abriga também bras de importantes artistas brasileiros, como os jardins de Burle Marx, os painéis de Athos Bulcão e o mural “Alegoria de Brasília”, de Di Cavalcanti. Mais de 20 museus contam a história de Brasília e do Brasil.

Além das muitas atrações culturais, Brasília oferece excelente estrutura de hospedagem, gastronomia e vida noturna. Em decorrência disso, tornou-se um dos principais destinos de negócios e eventos do Brasil.Tem um dos maiores centros de convenções do país, o Expobrasília, com capacidade para 60 mil pessoas. Para quem busca lazer ao ar livre, o Lago Paranoá, o Parque da Cidade e o Parque Nacional são boas opções.

Brasília

Principais Atrativos

Praça dos Três Poderes

Os traços arquitetônicos dos monumentos, museus e prédios governamentais instalados na praça simbolizam o espírito de modernidade que guiou a construção de Brasília. Há esculturas de Bruno Giorgi (“Os Candangos”), Alfredo Ceschiatti (“A Justiça”) e Oscar Niemeyer (“O Pombal”). A visitação aos prédios é gratuita, e o roteiro inclui o Congresso Nacional, os Palácios do Planalto e do Itamaraty, o Supremo Tribunal Federal, o Palácio da Justiça, o Panteão da Pátria Tancredo Neves e o Espaço Lúcio Costa, localizado no subsolo da praça, onde há uma maquete da cidade.

Catedral Metropolitana

Projetada por Oscar Niemeyer e inaugurada em 1967, está localizada na Esplanada dos Ministérios. Impressiona pela arquitetura – 16 pilares curvos unidos em anel no topo – e pelas obras de arte que guarda em seu interior, assinadas por nomes como Di Cavalcanti e Athos Bulcão. Os vitrais coloridos, criados por Marianne Peretti, proporcionam iluminação natural. Do teto da nave principal, que fica abaixo do nível do solo, pendem anjos esculpidos por Alfredo Ceschiatti. A visitação à Catedral pode ser feita diariamente das 8h às 18h, exceto nas segundas-feiras, quando o horário de fechamento é às 17h. Santuário Dom Bosco Seus imensos vitrais, com várias tonalidades de azul, inundam o ambiente de luz natural. Outro destaque são as esculturas de Gian Franco Cerri e o lustre central, formado por 7,4 mil copos de Murano, vidro artesanal italiano. W-3 Sul, quadra 702, Bloco B. Igrejinha Nossa Senhora de Fátima Foi o primeiro templo construído em Brasília, em 1958, antes mesmo da inauguração da cidade. O projeto lembra um chapéu das freiras vicentinas, obra de Oscar Niemeyer com azulejos pintados por Athos Bulcão. Entrequadras 307/308, Sul.

Memorial dos Povos Indígenas Assinados

por Oscar Niemeyer, o projeto do memorial chama a atenção por sua forma de oca indígena e pelos grafismos da fachada. O acervo inclui máscaras, bancos e cerâmicas. A visitação pode ser feita entre terça e domingo, das 10h às 16h. Eixo Monumental Oeste, Praça do Buriti.

Lago Paranoá

Lago artificial em torno do qual se implantou a cidade de Brasília. Formado pelo represamento do rio Paranoá, é utilizado para a pesca amadora e a prática de esportes náuticos. Há passeios de barco pelo lago. Museu de Valores Reúne moedas, cédulas, certificados de valores, títulos financeiros e metais preciosos que remontam a até 3.000 anos. São mais de 130 mil peças, com destaque para a moeda que mostra a coroação de D. Pedro I, em 1822, e a maior pepita de ouro encontrada no Brasil, com 62 kg. SBS-Q.3-Edifício Sede-1 subsolo. De terça a sexta, das 10h às 17h. Aos sábados, das 14h às 18h. Espaço Oscar Niemeyer Reúne material iconográfico e historiográfico relativo à obra do arquiteto de Brasília, com fotos dos principais projetos de Niemeyer no Brasil e no mundo. Integra o complexo Cultural da Praça dos Três Poderes, no Lote J. De segunda a sexta, das 9h às 12h30 e 14h30 às 18h.

Memorial JK

Além do túmulo de Juscelino Kubitschek, o presidente que construiu Brasília, o memorial reúne um acervo com documentos, vídeos explicativos e fotografias da construção da capital, além de objetos pessoais de Kubitschek. Praça do Cruzeiro, Eixo Monumental. De terça a domingo, das 9h às 18h.

Parque da Cidade

O Parque Sarah Kubitschek – conhecido popularmente como Parque da Cidade – tem 4,2 milhões de m² que reúnem a Praça das Fontes, com paisagismo de Burle Marx, ciclovia, hípica, pista de kart, parques infantis e áreas de lazer. É considerado o maior parque urbano da América Latina. Parque Nacional de Brasília Localizado no Setor Militar Urbano, o parque abriga vegetação típica do Cerrado e animais como tatus, macacos e capivaras, além de uma grande variedade de pássaros. Com 30 mil hectares, também é conhecido como Água Mineral, em função de suas muitas nascentes e piscinas naturais. Oferece pista para caminhada e duas trilhas: a da Capivara (1.300 m) e a Cristal Água (5.000 m).

Jardim Zoológico

Os viveiros, fossos e aquários abrigam vários animais ameaçados de extinção e espécies típicas do Cerrado, como o lobo-guará, a ema e o veado campeiro. Av. das Nações, Via L – 4 – Sul, 9 km (fecha às segundas-feiras).

Vale do Amanhecer

Localizado na zona rural de Planaltina, cidade-satélite de Brasília, o Vale é habitado por uma comunidade de seguidores da doutrina religiosa fundada pela clarividente Tia Neiva. O Templo do Amanhecer, construído em pedra com o formato de uma elipse, funciona das 10h às 22h e destina-se ao atendimento ao público. Cerca de 20 mil pessoas vivem no Vale, cuja estrutura inclui escolas, lojas, bares, entre outros serviços.


Voltar

Brasília

Gastronomia

Habitada e visitada por brasileiros vindos de todos os cantos, Brasília tem uma das melhores redes de restaurantes do país. É possível encontrar desde pratos típicos das diversas regiões brasileiras – com destaque para a do Centro-Oeste – até excelentes alternativas de cozinha internacional, com estabelecimentos especializados em culinária italiana, francesa, árabe, japonesa e espanhola, entre outras.

Voltar

Brasília

Artesanato

Nas várias feiras de rua organizadas em Brasília é possível encontrar artigos em cerâmica, madeira, sementes, fibras e outros materiais usados pelos artesãos da região. A principal delas é realizada aos sábados, domingos e feriados na Torre de TV. No Memorial dos Povos Indígenas há artesanato indígena.

Voltar

Brasília

Negócios e Eventos

O turismo de negócios e eventos é uma das vocações de Brasília. Sua rede hoteleira possui aproximadamente 18 mil leitos, de diferentes padrões, e há mais de 3 mil bares e restaurantes espalhados pela cidade.

Os grandes eventos são realizados no Expobrasília – com mais de 51 mil m² e capacidade para 60 mil pessoas –, localizado em uma área de fácil acesso no centro da cidade. Expobrasília: SRP/Sul Pavilhão de Feiras e Exposições do Parque da Cidade. Tel.: (61) 3322-0024. www.expobrasilia.com.br

Festival Internacional de Cinema

Criado em 1999, o festival ganhou destaque na programação cultural da cidade e hoje é uma das referências nacionais para os profissionais e apreciadores do cinema. Realizado anualmente entre novembro e dezembro, o FIC Brasília reúne filmes inéditos de vários países, promove mostras retrospectivas e abre espaço para novos talentos.

Voltar

Brasília

Acessos

Por via rodoviária

De São Paulo: SP-330, BR-050, BR-040.
Do Rio de Janeiro: BR-040.
De Goiânia: BR-060.
De Belo Horizonte: BR-040.

Por via aérea

Brasília tem aeroporto internacional – os vôos entre a cidade e as principais capitais brasileiras são diários.

Distâncias de Brasília

São Paulo: 1.011 km
Rio de Janeiro: 1.170
km Goiânia: 211 km
Belo Horizonte: 747 km


Voltar